Pular para o conteúdo principal

Filme de estudante da UERN será exibido em rede nacional no Dia de Combate à LGBTfobia


Do Canal Futura: No dia 17 de maio, Dia Internacional contra a Homofobia, o Canal Futura vai exibir o documentário TRANSformar- existindo na Educação, em parceria com a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). Sob a direção de Felipe Cafrê, o filme narra os obstáculos enfrentados pelos transgêneros para ter uma educação de qualidade no Brasil.

E os desafios enfrentados por essa população não são poucos. Como mostramos no programa Conexão, a expectativa de vida dos transexuais no Brasil é de apenas 35 anos, menos da metade da média nacional. A estudante da Uerj Matheusa Passarelli, que tinha a identidade de gênero não-binária,  comprova a estatística. Ela foi morta aos 21 anos no Rio de Janeiro.

Diante desta realidade, o objetivo do documentário é mostrar como a educação pode transformar a situação desse grupo na sociedade contemporânea. De acordo com Felipe Cafrê é difícil encontrar um espaço para as pessoas trans nas universidades.

“As instituições de ensino não estão prontas para acolher esses indivíduos, tendo em vista que não se debate gênero e sexualidade nesses espaços. Os coordenadores, diretores e professores não estão aptos a lidar com as singularidades desses sujeitos e sujeitas, tampouco reações como as agressões físicas e verbais que são enfrentadas diariamente por essas pessoas. Em contrapartida, mais de 90% dessas pessoas estão nas ruas, sobretudo porque suas casas e escolas são lugares extremamente violadores”, comenta o diretor.

A partir de relatos pessoais, o filme mostra transexuais que desafiaram esta realidade e ocuparam seus espaço nas universidades, seja como estudantes, pesquisadores ou professores: “O intuito do documentário é mostrar a importância de debater gênero e sexualidade nas escolas e nas universidades a fim de preparar não apenas os professores, mas também os futuros profissionais médicos, advogados, arquitetos, enfim, toda a sociedade com o objetivo de tirá-las da margem social.”, completa Cafrê.

TRANSformar- existindo na Educação
Estreia: 17 de maio (quinta-feira), às 0h
Classificação: livre
Duração: 30 min
O documentário também estará disponível no Futura Play

De acordo com a UERN, o documentário também será lançado na quinta-feira, às 20h, no auditório Amâncio Ramalho, na UFERSA - Campus Leste, em Mossoró e na oportunidade haverá discussão sobre o filme com a presença do diretor Felipe Freitas, de algumas das pessoas entrevistadas no filme e do professor Sandro Soares, da Faculdade de Pedagogia da UERN.

Postagens mais visitadas deste blog

Escola de Artes de Mossoró abre a partir de hoje inscrições para curso de férias

Até sexta-feira (30) a Escola de Artes de Mossoró está com inscrições abertas para o Curso de Férias. A programação conta com oficina de dança do ventre, curso de pintura em móveis  e massagem relaxante. Os interessados em participar das atividades devem procurar a sede da Escola de Artes, de 27 a 30 de novembro, das 8 às 11h e das 13h às 17 horas.

Atlântico Surf Camp divulga programação para movimentar a Praia de São Cristóvão

A Praia de São Cristóvão receberá nos dias 20, 21 e 22 o Atlântico Surf Camp. O acampamento é promovido pela Atlântico Escola de Surf e está com inscrições abertas pela internet. De acordo com a organização, metade das vagas já foram preenchidas. A inscrição para o evento é feita através do formulário eletrônico: Ficha de Inscrição - Atlântico Surf Camp.

Atores do Grupo Diocecena encenarão o Oratório de Santa Luzia

O Oratório de Santa Luzia completa 18 anos repleto de novidades nesta edição de 2018. A realização do espetáculo passou a ser de corresponsabilidade da Paróquia de Santa Luzia de Mossoró e do Colégio Diocesano de Santa Luzia. “Já há algum tempo que vinha conversando com padre Charles (Lamartine, diretor da escola) no sentido de unirmos forças e fazermos um trabalho em conjunto”, explica o pároco de Santa Luzia, padre Flávio Augusto Forte Melo.